.comment-link {margin-left:.6em;}

2006-02-24

 

Adeus churrasco

Esta manhã a notícia é isolamento de uma localidade no Ain por causa de gripe (ou peste) das aves. Parece que morreram 400 perús com o vírus H5 (ainda não se sabe se se trata de H5N1), os restantes 11.000 foram abatidos. Trata-se do primeiro caso de infecção em aves domésticas na comunidade europeia.

Os especialistas continuam a dizer que o risco de uma epidemia humana é reduzido pois o virus não se transmite de homem a homem. Entretanto as vendas de aves vão baixando (menos 30% em poucas semanas) e os produtores querem ser indemenizados.
Comments:
Porque é que os produtores querem ser indemnizados?

A sociedade, o Estado, tem alguma obrigação de garantir aos produtores avícolas um mercado para os seus produtos? Tem alguma obrigação de lhes garantir a saúde das suas aves perante epidemias?

Os produtores de aves estão num negócio que, naturalmente, envolve riscos. São eles que têm que arcar com esses riscos. Ninguém tem nada que os indemnizar.

Luís Lavoura
 
Bem, a grande razão para os indemnizar é motivar os outros (não estes) a declararem novos casos de infecção que surjam. Se não forem compensados, a tendência será para calar a coisa e deixar as aves doentes chegarem ao público...
 
Por aqui há uma grande tendencia para pedir indemnizações, algumas completamente injustificadas. Os sindicatos agrícolas são especialistas nessa matéria. Posso citar alguns exemplos:
- indemnização para os produtores de vinho por causa da lei de prevenção do alcoolismo,
- idemnização dos productores de porcos por causa do excesso de produção (causada pelos mesmos),
- indemnização dos pescadores por causa dos regulamentos de protecção do stock natural que os impedem de pescar tudo o que querem,
- indemnização dos productores de ostras por causa das algas tóxicas.

Na minha opinião quando se trata de catástrofes naturais (ou acidentes graves) as ajudas aos productores podem justificar-se por uma questão de solidariedade, em muitos casos uma ajuda pontual bem aplicada pode permitir a sobrevivencia das empresas.
 
Obrigado pelas respostas.

Aqui em Portugal os agricultores também são especialistas em pedir indemnizações. Pedem umas vezes pela seca, outras vezes por inundações (e ocasionalmente também por geadas ou granizo).

Os produtores de vinho também fizeram uma berraria quando o governo de Guterres pretendeu - muito bem - baixar o nível de álcool no sangue de condutores para 0,2 g/l. Foi uma vergonha e uma nojeira. Infelizmente, todos os partidos da Assembleia com exceção do BE curvaram-se à vontade deles.

Luís Lavoura
 
Já corre por aí que o vírus foi feito em laboratório como peça de guerra comercial. Mas até prova em contrário não acredito. Não é que a natureza humana não comporte tais excessos pois se até há quem faça caricaturas daquelas!
 
Publicar um comentário



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?