.comment-link {margin-left:.6em;}

2006-02-02

 

TAP: DE FACTO MELHOR?

A opinião de Sousa Monteiro sobre a gestão da TAP, hoje, no DE.

1 – Os resultados da TAP, para serem positivos, parece que só com receitas extraordinárias! E não as havendo? Vêm os prejuízos, como está aí à vista em 2005, que até foi um ano bom para a aviação comercial, sobretudo para as asiáticas e as europeias. E, no entanto, no final do primeiro trimestre havia sido garantido um lucro de 15 milhões... Já no final de 2004, também um ano bom, os seus resultados líquidos ficaram-se pela pobreza de uns parcos milhões de euros. E se não tivessem sido as receitas extraordinárias da venda do handling, então o prejuízo teria sido de mais de 20 milhões!
2 – Os combustíveis são os culpados dos maus resultados? Mas... só por cá, pois as outras deram resultados positivos no mesmíssimo contexto. Ainda assim (continua aqui)

J.A.Sousa Monteiro, comandante sénior reformado da TAP, Professor na Universidade Lusófona 30/JAN/06


Comments: Publicar um comentário



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?