.comment-link {margin-left:.6em;}

2007-12-20

 

Cinco Escritores da Liberdade

Numa feira do livro, no Porto, há uns pares de anos, quando o meu colega de blog Manuel Correia se aprontava para apresentar o meu livro sobre a ARA entrou na sala a Lídia Jorge, com quem apenas trocara umas palavras uma ou duas vezes na vida. Corri logo para ela, cumprimentando-a e agradecendo tão significativa presença, tentando evitar assim que ela invocasse um engano de sala ou desculpa equivalente. Lídia Jorge tratou-me por escritor. Não a conhecendo bem não percebi logo se estava a gozar comigo ou simplesmente a ser simpática. Optei pela simpatia, desculpei-me de ter escrito o livro, tartamudeei que plantar uma árvore não era bem ser agricultor e, claro, desde aí fiquei eternamente agradecido e amigo de Lídia Jorge. E desde aí quando alguém me trata por escritor tenho tendência a considerar que tal tratamento faz todo o sentido.

Por isso quando a Cristina, uma bloguista que eu coloco lá em cima, nos píncaros, e que faz o favor de ser minha amiga, me nomeia como escritor (e mais! atribui o prémio Escritor da liberdade) eu não me desfaço em explicações de falsa modéstia protestando contra tal mérito. Não. Acho-o merecido. Não por ter balbuciado nuns livros e em alguns blogues umas quantas ideias mal amanhadas, mas porque a minha amiga Lídia Jorge o disse. E se ela o disse...

Cinco Escritores da Liberdade:

Joana Lopes (Entre as Brumas da Memória), Rui Tavares (Pobre e mal agradecido), Fernanda Câncio (Cinco Dias), José Medeiros Ferreira (Bicho Carpinteiro), Rui Namorado (O Grande Zoo).


Comments:
um beijo
 
Vendo que mais uma vez falas a meu respeito,não posso deixar de me lembrar que ter bons amigos pode dar lugar a que eles digam coisas excessivas a nosso respeito, mas é um recurso precioso.

Um abraço

Rui Namorado
 
Caro Raimundo Narciso:
Reconhecido pela referência.E parabéns pala nomeação!Abraços J Medeiros Ferreira
 
Pois é , pois é , eu também acho que você é um homem de liberdade,mas cuidado, os melhores querem levá-lo para outro lado. Se for vá em boa hora ,talvez mude alguma coisa ... Por ora meu caro , escreva, escreva....

Bom ano de 2008!
 
Publicar um comentário



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?