.comment-link {margin-left:.6em;}

2011-09-18

 

Entre a náusea e a comiseração



“Há dois meses, Portugal e a Grécia estavam no mesmo comboio. Dois meses depois, já ninguém na Europa e no mundo confunde Portugal com a Grécia, nós estamos no caminho certo”. (Miguel Relvas, nas jornadas parlamentares do PSD).

Mal nada, eis que aquele político venal a que Jaime Gama, num momento de inspiração africana, apelidou de Bokassa, despeja 1.700 milhões de dívida escondida, em cima do nosso simpático "bom aluno" Passos Coelho. E assim, menos de uma semana depois da profecia do voluntarioso Relvas, Portugal descarrila e entra, periférico e impante, no "comboio" da Grécia.

Vai uma aposta!? Não vai acontecer nada. Nada, mesmo nada, àquele abencerragem do Estado Novo. Vai acontecer sim é que, no continente ou nas regiões autónomas vamos ser todos nós a pagar tudo com língua de palmo e, receeio, que conformadamente. Todos a ter de pagar... não. Só os do costume.

Mas, já de passagem, para evitar equívocos: isto de que "não somos a Grécia" e tal só me causa náusea e comiseração. É tão só raciocínio de lacaio a abanar a cauda à vista dos patrões. Merecíamos mesmo tudo isto?

Etiquetas: , ,


Comments:
Não acontecerá nada ao abencerragem do 26 de Abril!

Nem a ele nem a nenhum dos milhentos abencerragens que aquela data criou.
 
Publicar um comentário



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?