.comment-link {margin-left:.6em;}

2007-12-22

 

"Banqueiro" do ano

Elejo Berardo "banqueiro" do ano por ter revelado um bocadinho do que se oculta por detrás do "respeitabilíssimo" mundo da banca. Talvez isso ajude a uma maior vigilância futura por quem tem obrigação de o fazer: Banco de Portugal e a Comissão do Mercado de Valores Mobiliários.
Segundo os media o ministro das Finanças deu indicações ao governador do Banco de Portugal para averiguar o que se passa com o BCP até às "últimas consequências". Ora o Banco de Portugal, em 2004, "decidiu arquivar este mesmo dossiê". Por isso de Victor Constâncio, do Banco de Portugal e da CMVM fica a suspeita de conluio. Fica a suspeita de que quem circula e faz a sua vidinha entre BdP, CMVM e as administrações dos bancos defraudam o país.

Comments:
Neste momento "fica a suspeita" é mesmo a coisa mais delicada que se pode pensar sobre esta nojeira.
 
Publicar um comentário



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?