.comment-link {margin-left:.6em;}

2005-02-18

 

Um perigoso precedente

É o título de um artigo aparecido no jornal de economia Cinco Días de hoje do País vizinho.

De que perigoso precedente se trata? Nem mais nem menos do apoio público que o presidente da Comissão Europeia, José Manuel Barroso, deu - cito - ao "seu frustado delfim Pedro Santana Lopes".

E as razões? Segundo o artigo "Bruxelas está perplexa", porque Barroso não comunicou aos seus colaboradores a intenção de participar na campanha do seu partido, como o devia ter feito. O artigo considera esta atitude de Barroso, que mexeu inclusive com a agenda europeia, ao fazer adiar a análise e revisão do Programa de Estabilidade de Lisboa sob o pretexto de que o veredicto poderia converter-se em arma eleitoral, um precedente altamente perigoso para o funcionamento futuro da União, na medida em que há regras mínimas a cumprir para manter um ambiente normal.

Comments:
João Abel

Estou de acordo.
Mas para alem disso gostava de falar contigo. Já lá vão uns anos.

Um abraço
A.Calixto
 
Publicar um comentário



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?