.comment-link {margin-left:.6em;}

2005-10-26

 

De homem para homem (1)



Cortesia de Piero Pompini/World Focus, do site italiano da War News

Não vai muito tempo (estávamos em 1870) o Dr. Jamie Dodd levou para a Escócia um casal de pigmeus capturados durante uma das suas expedições a África. Para ele, e para os seus associados, - os antropólogos Fraser e Alexander, - tratava-se de um grande feito científico, pois acreditavam que aqueles hominídeos correspondiam ao famoso «elo perdido» na transformação evolutiva que teria levado do macaco ao homem. As peripécias correlacionadas entram na tessitura do filme de Régis Wargnier, Man to Man, - De homem para homem, na tradução portuguesa (nas salas).


Depois das observações da praxe, instalou-se a dúvida: se já não eram macacos e não podiam ser ainda considerados homens, como classificá-los? Entretanto, começaram a exibi-los em público, primeiro nas Academias e depois no Jardim Zoológico. Eram tratados como trofeus (do conhecimento e da superioridade imperiais) trazidos de África, seres vivos, sim, mas não-humanos e, portanto, sem quaisquer direitos.


Comments: Publicar um comentário



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?