.comment-link {margin-left:.6em;}

2007-10-11

 

A "exportação" de jogadores

Portugal começa a ter lugar VIP nesta matéria. Começa a rarear o clube europeu, de alguma nomeada, onde não haja um nome português. E se se colar o Brasil, então não há mesmo. Mas o Brasil é um caso à parte; há muitos anos que entrou neste negócio.

Como se lê hoje na imprensa, o Sporting acabou de contratar um miúdo de 8 anos para as suas fileiras, embora para permanecer com os pais até aos 12. Só depois desce para a academia.

Por este caminho é de pensar que, em breve, surja o negócio de, ainda na barriga da mãe após alguns exames de adestramento, começarem as contratações. Certamente um incentivo bem mais volumoso e atractivo à natalidade que "o subsídio" último - abono de família - tão proclamado pelo governo.

Comments: Publicar um comentário



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?