.comment-link {margin-left:.6em;}

2008-05-16

 

As listas de espera na saúde

A Ministra da Saúde, Ana Jorge, vai anunciar medidas para a solução das listas de espera em oftalmologia.

É uma boa intenção e de aplaudir.

Agora fico de pé atrás quando o caminho apontado parece ser o do recurso a trabalho extra.

Já passou para a sociedade que a situação se vai resolver com horas extraordinárias, trabalho nos feriados e fins de semana, horas a mais, etc, ou seja, com elevados custos para o País. Ouvi 30 milhões.

Pode ser legítimo este caminho, como pode ser uma forma de premiar a falta de produtividade.

Ainda não percebi, porque razão Portugal tendo um dos melhores índices de oftalmologistas por habitantes tem esta lista de espera tão elevada.

Não tenho dúvidas que, no essencial, ela deriva de falhas de organização, diferentes de hospital para hospital. Ainda hoje ouvi que o hospital de S.João no Porto faz proporcionalmente muito mais consultas e operações que o de Santa Maria que até tem mais médicos da especialidade.

A ser assim, não há outra razão a não ser falhas e graves de organização, algum mau desempenho e grande irresponsabilidade.

Ora apostar sem regras e sem contratualização por objectivos em trabalho extra é premiar a falta de produtividade e o mau desempenho. Por esse caminho não se vai longe.

Acho legítimo que se recorra a horas extras na base de uma programação séria que explore as potencialidades existentes

Será negativo para os próprios médicos se o móbil do problema for apenas ganhar mais uns quantos milhares de euros.

Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?