.comment-link {margin-left:.6em;}

2008-05-16

 

o Acordo ortográfico

O texto do acordo ortográfico pode ser lido aqui e sobre ele há muita informação na Wikipédia e também no ciberdúvidas.
Sou francamente a favor das alterações previstas no acordo ortográfico e acho que deveria ir memso um pouco mais além na uniformização da escrita.
Comments:
Meu Caro Raimundo

És a favor do Acordo Ortográfico, mas não dizes porquê.
Não vou aqui exprimir a minha posição (tenho três posts no meu blog sobre o assunto), mas sempre te digo que o AO que Portugal ratificou não foi este, mas outro. E pergunto-te: como vai ser se Angola, Moçambique e GB não o ratificarem, como quase de certeza vai acontecer?
Este Segundo Protocolo Modificativo que hoje foi aprovado na AR é de uma irresponsabilidade política total. Nunca neste tipo de acordos se deve admitir este modo de entrada em vigor. Esta modalidade de entrada em vigor é praticada nos acordos multilaterais gerais. Por razões óbvias...Agora, prescrevê-la num acordo que tem por finalidade unificar a grafia não lembra ao diabo...
Mudando de assunto:Escreve mais, que a tua prosa faz falta!
J M Correia Pinto
 
O debate sobre o acordo foi lamentável. Finalmente, lá para o fim, começaram a aparecer muitos comentários doutros países de língua oficial portuguesa e de portugueses residentes no estrangeiro. O tom geral dessas proveniências é de aceitação do acordo e de indignação com os sintomas de patrioteirismo doentio que existem no nosso país. Os críticos do acordo seguiram uma táctica pouco inteligente: aceitaram como aliadas suas pessoas com problemas de relacionamento com a história do colonialismo, com complexos de superioridade e/ou inferioridade em relação aos países cujas independências resultaram da rebelião contra a potência ocupante (Portugal). Ora, felizmente, essas pessoas são hoje minoritárias na sociedade portuguesa e, portanto, os argumentos xenófobos a que recorrem acabam por "manchar" a causa dos peticionistas contra o acordo. Lamento-o, porque entre os peticionistas há muitas pessoas de valor, com provas dadas na cultura portuguesa. Infelizmente, em Portugal, assiste-se frequentemente a estas arengas contra os "poderosos" que só visam impedir reformas. É por isso que, frequentemente, tem de haver autoridades decididas a avançar apesar das petições.
http://www.enxuto.org
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?