.comment-link {margin-left:.6em;}

2008-07-06

 

O Imbróglio no Conselho de (In) Justiça da FPFutebol

Interessante teria sido que este caso tivesse acontecido antes dos exames de MATEMÁTICA. Poderia ajudar a melhorar "a qualidade" dos testes, de forma algo criativa com um simples exercício.

Imaginem um grupo constituído por 7 elementos com uma decisão disciplinar arrojada nas mãos, presa apenas por validação ou não das escutas telefónicas como prova.

3 dos elementos são pela não validação e 4 pela validação. Um dos 7 elementos (o presidente) em caso de empate técnico na votação tem direito a voto de qualidade, a voto de desempate.

Que terá de fazer o elemento do grupo que goza do direito de desempate para criar as condições para que se chegue ao empate técnico?

Criar as condições para retirar o direito de voto a um dos elementos do grupo que vota favoravelmente pela validação das escutas como prova.

Foi exactamente o que tentou o Presidente do CJ e com isso criou o imbróglio Madail.

Veremos até onde irão as coisas e como Madail irá resolver o seu próprio imbróglio. Como irá fabricar um Pôncio Pilatos? Neste país é tudo simples. Basta aprofundar o ensaio do Presidente (?) do CJ.

Comments:
Numa analogia culinária, está um belo cozido à portuguesa, onde não faltam os belos dos "enchidos"..
Mais uma prova de que, quando política e futebol se juntam dá asneira da grossa. Se tivessem vergonha estavam calados e não apareciam constantemente na televisão a gozar com a nossa cara.
Neste país, dá-se muito tempo de antena a corruptos..
 
e so corruptos no conselho de justiça
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?