.comment-link {margin-left:.6em;}

2008-09-06

 

Eleições em Angola

A votação começou ontem e pelas informações disponíveis a organização logística não esteve aprimorada e as falhas acusadas são muitas, sobretudo em Luanda, tanto assim que a Comissão Nacional Eleitoral (parece que assim se designa) decidiu prolongar a votação em Luanda para hoje em cerca de 50% das mesas de voto.

Hoje, pelo que temos ouvido nas rádios, a questão é outra: as mesas estão a funcionar mas a afluência é reduzida, pelo menos na parte da manhã.

A UNITA decidiu exgir repetição, não percebi se das eleições em geral, se só de Luanda, o que seria mais lógico, pois do que li e de algumas fontes insuspeitas como da igreja parece não ter havido problemas no campo.

E se assim fôr porque razão pedir a anulação global?

Por outro lado, a primeira reacção da chefe de missão da UE foi algo despropositada, tendo ela própria vindo a corrigir o tiro. Nestas coisas, tão complexas e difíceis, há que ter cuidado nas reacções. Controlar "o coração político" é uma boa medida, nem sempre ao alcance de uma pessoa qualquer. Só mesmo para os muito treinados nestes ambientes, o que não parece ter sido o caso da chefe de missão da UE. Estes erros têm custos elevados.

Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?