.comment-link {margin-left:.6em;}

2008-11-27

 

O tempo das castanhas quentes

Já estamos no tempo das castanhas quentes e há um ditado popular sobre o "ficar com a castanha quente nas mãos".

Sobre o homem que nada fez "de ilegal" como administrador do BPN, só que, entre outras coisas, Porto Rico, etc, assinava contas porque nada percebia de contabilidade pode questionar-se se tem a castanha quente ou estará a tentar reparti-la com alguém? E se esse alguém fôr de peso tanto melhor, ficará a castanha quente repartida.

O "espaço queimado" tenderá a ser menor e a cura mais facilmente atingida.

Comments:
Quentinhas e boas lá para Belém.
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?