.comment-link {margin-left:.6em;}

2008-11-13

 

Por uns míseros tostões...

... Não se cumpre a palavra dada. Ou não será apenas isso?

A ideia que ficou no final do ano transacto foi a de que o Ministro da Finanças tinha anuido em descontar para a ADSE no caso dos pensionistas e reformados da Administração Pública apenas sobre 12 meses de forma a igualar o que se passa com os trabalhadores do activo. Isto acontecera por pressão do Provedor e de um grupo de deputados do PS que denunciaram a diferença.

Ontem o Secretário de Estado foi reafirmar que os descontos continuam sobre os 14 meses. É teimosia ou é estratégia para ampliar aos do activo o alargamenta de incidência?

No entanto quem se sai mal de tudo isto é o Ministro das Finanças que falta á palavra dada. Vá la saber-se o significado das palavras dos nossos políticos!!!...


Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?