.comment-link {margin-left:.6em;}

2009-02-11

 

Violência em Madagáscar

A Federação Internacional do Jornalistas (IFJ) expressou hoje a sua consternação após a trágica morte de Ando Ratovonirina, um jornalista da ACR Rádio Televisão de Analamanga, uma das regiões de Madagáscar localizada na província de Antananarivo.

"A trágica morte de nosso colega confirma as nossas preocupações com a segurança dos jornalistas em Madagascar", afirmou Gabriel Baglo, director do Gabinete do IFJ África.

Ratovonirina Ando, 25 anos, foi morto no sábado passado, quando a guarda do presidente Marc Ravalomanana, abriu fogo sobre os manifestantes que marchavam para o palácio presidencial.

O jornalista foi atingido por uma bala na cabeça.

A crise política em Madagáscar desde Dezembro de 2008, tem vindo a ser marcada por incidentes violentos com graves violações da liberdade de imprensa, como a ameaça de encerramento de vários orgãos de comunicação social privados.


Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?