.comment-link {margin-left:.6em;}

2009-05-24

 

Um dia em Mafra


Ontem um grande grupo (mais de 60 pessoas) ligado à Tertúlia de Madeirenses em Lisboa arranca de manhã cedo, grande parte em camioneta e alguns de carro até porque residem ou tem casa na zona e vai passar um dia a Mafra, numa viagem de lazer e de cultura, curta em tempo de viagem, uma hora para lá outra para cá, rica "em tempo de cabeça".

A cultura teve duas partes bem distintas, separadas por um bom almoço e boa convivência num restaurante da Vila de Mafra.

Na parte da manhã numa visita de 2h30 vimos o Convento. Na parte da tarde noutra visita, sensivelmente de igual duração, vimos a Escola Prática, onde muitos dos presentes fizeram um esforço par rememoriar algum tempo que lá passaram, mas ou a idade não perdoa ou então muita coisa mudou lá e nas nossas cabeças.

Tivemos dois excelentes guias. De manhã, a Dra Teresa do Amaral que bem conhece o convento, porque é investigadora da casa e, deduzi que responsável, deu-nos uma lição maravilhosa de História de Portugal, de história de arte, etc, e até nos informou que, afinal, ali os franceses durante as invasões não foram muito daninhos. Mais daninho terá sido o rei que quando abalou para o Brasil levou muita coisa, empobrecendo o convento sobretudo em tapeçarias e móveis, o que se deduz que afinal não saiu a correr mas de forma bem premeditada.

De tarde, outro guia, o major Campeão que nos deu um visita guiada a partes desta escola militar, que tem por patrono Nuno Álvares.

Aos dois, cada um à sua maneira, aqui fica um registo de agradecimento.

Num registo pessoal, sinto que fiquei mais integrado no Memorial do Convento, um livro que apreciara muito.
Não posso é deixar de registar, como curiosidade exótica, as colónias de morcegos que existem na Biblioteca do Convento que, segundo nos confirmou a Drª Teresa, são muito úteis pois ajudam a conservar os livros.

Sabem como? Comendo as larvas que destruiriam os livros.
PS: A foto é da autoria de Luis Aguiar, um dos participantes na visita, publicada algo abusivamente.

Etiquetas: , ,


Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?