.comment-link {margin-left:.6em;}

2009-07-26

 

Em busca do fundo (6)





















Há quem se interrogue, de há uns tempos a esta parte, se não seria melhor, desta vez, o PSD ganhar com maioria relativa. Mas, o quê?, sermos governados pela direita poderia, de algum modo, contribuir para o reforço da esquerda? Resposta: Como o PS não é todo de esquerda, e o PSD não é todo de direita, o PS, em oposição, acabaria por reforçar a esquerda, condicionando o PSD a fazer algo que não anda muito longe do que o PS fez no governo, mas com a vantagem de o PS, na oposição ao governo do PSD, reforçar o campo das esquerdas e o triunfo de muitas das suas causas.

Esta ideia peregrina parte do princípio que os Governos do PS continuarão permeáveis às soluções neoliberais (basta atentar nos princípios que o PS adoptou para iniciar a reforma do Estado, para compreender isto) e adversos a elas, quando estão na oposição.

Apesar de Mário Soares (entre outros) reconhecer que o Governo de Sócrates se rendeu demasiado ao canto da sereia neoliberal, restaria saber se o PS saído de uma derrota eleitoral seria melhor ou pior do que o actual.

Entretanto, apesar de não estar a ser colocada frontal e publicamente, a questão circula: um reforço da esquerda com o PS na oposição ou o enfraquecimento da esquerda com o PS em maioria, a governar à direita?


Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?