.comment-link {margin-left:.6em;}

2009-10-04

 

"Voto útil mais útil"

«Quem votar em Isaltino Morais ofende a democracia e declara-se potencial cúmplice de um acto de corrupção. Se o voto, elemento fundamental do sistema, passar a estar ao serviço da imoralidade e da política sem ética então a democracia desmorona-se. Perde as qualidades que lhe conferem superioridade.»  

diz, João Maria de Freitas Branco, eleitor do concelho  de Oeiras, "filósofo", como ele costuma dizer, em vez de licenciado em Filosofia, melómano (não fosse ele filho de João Maria de Freitas Branco que ensinou, nos 29 anos que durou o seu programa "O gosto pela música" tantas gerações de Portugueses a amar a grande música) e homem de vastíssima cultura e rectidão.
Do seu post extraí o parágrafo que inicia este texto. No entanto a leitura de todo o artigo... recomendo-a vivamente.

Ei-lo:

«Quem me conhece e tem acompanhado o meu percurso político-ideológico sabe do meu desafecto à tese do voto útil. Cada voto deve expressar aquilo que, em consciência, o cidadão eleitor considera ser a forma de melhorar o estado de coisas. A aposta no mal menor, em nome dum suposto “voto útil”, representa perda de autenticidade e raramente satisfaz os interesses do votante. Quando um político declara só existirem dois votos úteis, o voto em A (ele próprio), e o voto em B (o alegado adversário principal) está despudoradamente a insultar o eleitorado e a democracia. Todo o voto é útil desde que consciente, fundamentado e bem informado, cognitivamente alicerçado. Por isso, sempre entendi e entendo ser bem útil o voto nas forças políticas que, mesmo não ganhando, se opõem ao sistema vigente, o capitalismo gerador de desigualdades crescentes, e que procuram edificar novo sistema alternativo que inverta o processo, reduzindo as desigualdades e a injustiça social, e cumprindo o esplêndido programa iluminista da Igualdade.
Sem pôr em causa ...»  Continua aqui.
___________
Nota: Fiz uma correcção. Sobre o mesmo assunto o autor publica no Público de 2009-10-03 este artigo.

Etiquetas: , ,


Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?