.comment-link {margin-left:.6em;}

2010-02-26

 

Um tiro no pé?!

Acabo de ouvir o líder parlamentar do PS dizer na TSF que vão votar contra o inquérito ao caso PT/TVI, que os partidos da oposição se preparam para aprovar na AR.

O velho ditado "quem não deve não teme" deveria ser aqui adoptado.

Face ao clima de suspeição instalado, o PS faz muito mal com este voto contra, independentemente de algumas razões que possa ter, até porque tal atitude lhe tolhe depois a actuação na AR e alimenta ainda mais o clima de suspeição, dando a impressão de que receia alguma coisa. Já assim foi com a audição na Comissão de Ética de que não soube tirar ilações.

Comments:
Meu Caro João Abel,

Tenho dúvidas se o PS deve alimentar "a campanha eleitoral interna do PSD" e a falta de sentido de estado das oposições. Uma Comissão de Inquérito é algo de qualitativamente superior e que não deve ser usado por dá cá aquela palha.E digo isto porque fui talvez o principal redactor das alterações legais que lhes atribuiram amplos poderes e as abriram à opinião pública.
Claro que nós até sabemos que as oposições têm votos suficientes para a aprovar...mas como diz o Assis, "não devemos contribuir para continuar a enlamear a vida política". Creio que o post anterior do Raimundo me acrescenta razão e se quiseres ler o post que escrevi sobre o Freeport em "A Carta a Garcia", logo verás que o PS não deve pactuar com tacticismos suicidas...
Um grande abraço,

Osvaldo Castro
 
Meu caro Osvaldo Castro,

Dizes e bem no teu comentário que "uma Comissão de Inquérito é algo de qualitativamente superior". Não poderia estar mais de acordo, pelo que considero que os partidos usam e abusam deste instrumento institucional, afastando-o efectivamente dos seus fins.

Agora, atendendo à situação real da nossa justiça - descrédito total - que ainda ontem sofreu um duro golpe com as afirmações de António Barreto e que há dias não ficou melhor com declarações de Cândida Almeida, o caso PT/TVI, um caso aliás de gestão estratégica das duas empresas tomou uma gravidade tal que merece esclarecimentos profundos, de tal modo que está a emperrar a governação do País num momento tão crítico.
Daí que independentemente de tudo, das estratégias dos diferentes partidos,não perceba porque não se avança com o inquérito, até porque não existe outro meio rápido de clarificação.

Nota à parte. Até sou defensor que o governo deveria ser ouvido e intervir sobre o caso. E se o negócio se concretizasse por razões estratégicas perfeitamente de acordo, porque são duas dimensões do problema. Uma é o negócio, outra é a liberdade de informação ou até indo mais além a liberdade de crítica da informação. Mas esta é uma outra discussão, no meu entender, até bem mais de fundo.Talvez um dia destes a aborde aqui.
Um abraço

João Abel
 
EMAUDIO … CASA PIA … FACE OCULTA (o Triangulo das Bermudas não desaparecerá tão cedo) – o Partido da Sucata precisa de um formalista como Aguiar ou de um “homem de bastidores” como Coelho.

Rangel é imprevisível.

Tenham medo sucateiros – Tenham muito medo.
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?