.comment-link {margin-left:.6em;}

2010-11-30

 

A Tomada de Madrid

Nem com uma boa ajuda de portugueses (ou talvez por isso) Madrid deixou de sucumbir às mãos da Catalunha.

Isto em futebol foi demais. Mourinho, Cristiano, Ricardo Carvalho e Pepe terão alguma dificuldade em digerir tão amarga derrota.

Dirão muitos. Isto só acontece uma vez na vida. A realidade é que aconteceu.

Também na política, a situação não vai famosa para Madrid.

Houve eleições na Catalunha e a vitória da CiU, coligação nacionalista de centro direita Convergência e União, liderada por Artur Mas.

Laporta, antigo presidente do F. C. Barcelona foi também candidato e eleito pelo Partido da Solidariedade Catalã para a Independência, que fundou em Julho passado depois de ter deixado a direcção do Barcelona. Obteve 3,3% dos votos, conseguindo 4 lugares no Parlamento da Catalunha.

O partido de Laporta pode ser convidado a integrar uma coligação pós-eleitoral para o Governo da Catalunha, que seria liderado por Artur Mas, obtendo-se desta forma uma maioria parlamentar nesta região.

Laporta fez saber que só integraria a coligação com a CiU se fosse para declarar a independência da Catalunha, tendo afirmado: "Será a primeira vez que vai entrar no Parlamento uma proposta de independência imediata".

Laporta, agora deputado, apelou no seu discurso aos militantes para que que se somem "vontades e votos" numa causa que a coligação visará durante toda a legislatura.

Entre a multidão foram ouvidas as vozes separatistas. "Laporta presidente, Catalunha independente", "Adeus, Espanha" ou "Estado catalão" repetiram.

Etiquetas: , ,


Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?