.comment-link {margin-left:.6em;}

2010-12-07

 

Decisão secreta na reunião do ECOFIN

Eis a bomba da semana revelada hoje pelo fundador da Wikileakes,  Julian Assange, quando o prenderam, sob a acusação de ter "violado" duas virtuosas senhoras na Suécia: uma proposta (secreta) apresentada pela alemã, Ângela Merkel, na reunião do ECOFIN, em Bruxelas, há dois dias.
"PROPOSTA
Considerando que o poder político na "nossa" Europa é constituído na base de 1 homem 1 voto.
Considerando que uma vez eleitos, por razões que não nos devem fazer perder tempo agora, não temos outro remédio senão tomar as decisões na base de 1 euro 1 voto. 
Considerando que os euros em quantidade relevante estão nas mãos do nosso capital financeiro e em primeiríssimo lugar do nosso sistema financeiro "alavancado";
Considerando que pouparíamos dores de cabeça, tempo e dinheiro:
Proponho a seguinte norma (secreta, enquanto não prepararmos suficientemente os denominados cidadãos):
«Nas eleições dos países do Euro, em vez do sistema universal de 1 homem  1 voto, passa a haver apenas GRANDES ELEITORES, os bancos e os fundos do sistema financeiro, incluindo o sistema financeiro paralelo  e "alavancado", na base de 1 euro 1 voto, de acordo com os respectivos balanços.»
Resultado da votação (de braço no ar): 4 votos contra, da Grécia, Irlanda, Portugal e Espanha e 1 abstenção da Itália. [Link NYTM].

Logo a seguir à publicação de mais este segredo pelo NYTM a Alemanha verberou esta revelação, fora do tempo próprio, porque põe em perigo imensas vidas e reputações. Soube-se pouco depois que a acusação de Julian Assange sofreu um up grade: além de ter "violado" as duas respeitadas senhoras, "assassinou-as com requintes de malvadez". 

Etiquetas: , ,


Comments:
Caro Raimundo,
Faço link.
Obrigado.
Um abraço.
 
Na realidade, as senhoras eram prostitutas virgens com nove filhos a criar.
 
Ana Paula Fitas obrigado.
Henrique Dória. É como se fazia na tropa. O superior queria dar, sem razão, uma porrada no tarata, arranjava o pretexto das botas mal engraxadas.
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?