.comment-link {margin-left:.6em;}

2010-12-22

 

Ernst & Young e o Lehman Brothers

A Ernst & Young é uma firma de auditoria das mais conceituadas mundialmente, portanto, de acordo com os ensinamentos da actual crise... é uma séria candidata a firma das mais fraudulentas do conceituadíssimo mercado global.
Vejamos o que diz The Wall Street Journal que invoca uma fonte do gabinete do promotor público de Nova Iorque, Andrew Cuomo: “A Ernst & Young vai ser processada pelas autoridades norte-americanas por ter colaborado no encobrimento da real situação financeira do banco Lehman Brothers - que faliu em 2008.”
“A Ernst & Young deu cobertura a este tipo de transacções [acções fraudulentas para encobrir a verdadeira situação do Lehman] ao longo de quase uma década. E, nos relatórios de auditoria às contas do banco, nunca alertou os clientes e os investidores para o facto de este tipo de operações esconder o verdadeiro nível de risco da instituição e mostrar um quadro financeiro muito mais saudável do que realmente existia na prática” [Link]

Mas afinal porque “errava” a firma de auditoria cujo lema é, como se vê na imagem, "Qualidade em tudo o que fazemos"? Bem… era o Lehman que lhe encomendava os relatórios e lhe "pagou mais de 100 milhões de dólares" por eles.

Moral da estória: as "actividades" do Lehman Brothers, da Ernst & Young, das agências de rating, a manipulação criativa dos produtos financeiros pela Wall Street em geral, durante os 30 anos da desregulação financeira atingiram o objectivo pretendido: transferiram biliões de dólares dos bolsos da massa anónima das classes médias e trabalhadoras para os bolsos dos mais ricos e de uma nova aristocracia de parvenues: consultores, gestores de fundos, administradores de bancos e seus cúmplices. Empobreceram dezenas ou centenas de milhões de pessoas e tornaram fabulosamente ricos uns quantos milhares de especuladores.
Mais moral da estória: apesar de tudo, nos EUA alguns dos conceituadíssimos mafiosos acabam na prisão. Cá, é que estamos para ver o que sucede aos bons rapazes do BPN e do BPP.

Etiquetas: ,


Comments:
Está mal fundamentada sua teoria.

Sugiro que busque maior conhecimento sobre o assunto e se informe com a posição oficial da EY.

Sua teoria não faz o menor sentido e ignora trocentos fatos.
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?