.comment-link {margin-left:.6em;}

2010-12-30

 

Grave atentado à democracia em território português

A ser verdade o que acaba de informar o online do semanário SOL, citando a LUSA, ou há grosseiro lapso ou a RTP não considera José Manuel Coelho candidato legítimo à Presidência da República, pondo em causa, desta forma, o que decidiu o Tribunal Constitucional.

José Manuel Coelho, candidato à Presidência e deputado pelo PND na ALM, está desde ontem em plano de igualdade com todos os outros 5 que antes tinham entregue as 7500 assinaturas: Manuel Alegre, Defensor de Moura, Francisco Lopes, Fernando Nobre e Cavaco Silva.

Segundo a notícia antes referida, "a RTP apresenta na próxima semana uma série de cinco entrevistas individuais aos candidatos presidenciais, todas moderadas pela jornalista Judite de Sousa, anunciou hoje a estação Defensor Moura, Fernando Nobre, Francisco Lopes, Manuel Alegre e Cavaco Silva, por esta ordem, estarão presentes na Grande Entrevista entre segunda-feira e sexta-feira da próxima semana.
A TVI, contactada pela agência Lusa, disse que não irá ter entrevistas com os candidatos, enquanto que fonte do gabinete de comunicação da SIC disse não ter informação sobre o assunto.

As entrevistas individuais dos candidatos na RTP1 surgem depois de dez frente-a-frente entre os candidatos, repartidos pelas três estações de televisão entre 14 e 29 de Dezembro".

José Manuel Coelho não é o meu candidato. Já publicamente manifestei o meu apoio a Manuel Alegre.

Mas entendo que todos os candidatos legitimados pelo Tribunal Constitucional devem ter o mesmo tratamento. Isto é intrínseco a um regime democrático.

Como cidadão não me posso calar face a este atentado, que espero ser apenas equívoco tanto mais ainda pela Televisão pública.

Que posição irão tomar os outros candidatos se isto se consumar?

Etiquetas: , ,


Comments:
Meu caro João Abel.

Concordo inteiramente, embora a tua última pergunta vá criar um grande dilema aos outros artistas candidatos.

A.Castro
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?