.comment-link {margin-left:.6em;}

2011-01-19

 

Estamos na recta final da campanha

E se algo há a dizer é que Portugal é, de facto, um País muito especial. Funciona em contra corrente, contra os factos.

Responde-se dramatizando, fazendo vingar qualidades que não estão provadas como a honradez e a honestidade.

Pelo menos foi isso que se passou com um dos candidatos, Cavaco Silva, porque quando encostado a questões incómodas suficientes para num outro país europeu ter de abandonar a corrida eleitoral, em Portugal contra-atacou mostrando-se ofendido, tentando de propósito confundir polémica política com ofensas pessoais.

Na realidade o que lhe foi exigido foi que explicava sobretudo as situações novas que surgiram e graves pelo menos aparentemente como é o caso da urbanização da Coelha.

Cavaco nada disse sobre essa teia complexa de interesses algo obscuros em que esteve envolvido, continuando apenas com frases bombástica a proclamar a sua grande honestidade.

É triste mas é o País que temos.

Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?