.comment-link {margin-left:.6em;}

2011-07-21

 

Cimeira Europeia: "Muita parra pouca uva"

Parece-me que o ditado popular do título traduz o que se passou neste Conselho Europeu.

Mas amanhã veremos a reacção dos chamados "mercados" porque muita gente levantou vela. Finalmente temos vento, pensam alguns.

Ora, o que aconteceu, embora nebuloso sobretudo no como se vai aplicar e a quem, assistiu-se na realidade a uma renegociação da dívida grega e a um reforço dos empréstimos à Grécia. E se tal não se fizesse era a falência da Europa a prazo, o que não quer dizer que a questão esteja ultrapassada.

Em meu entender, ou adiou-se essa falência ou ganhou-se algum tempo para ver se se encontra uma saída para o grande problema europeu da crise

O que está em causa é o modelo de desenvolvimento europeu em todas as suas vertentes. As pequenas medidas nada resolvem em termos de fundo esta questão, pois há aqui uma grande contradição.

Temos na Europa uma situação de nulo reconhecimento do papel dos Estados, a não ser como muleta do sistema bancário/financeiro. E estranhamente chegamos a esta situação pela mão dos partidos ditos sociais democratas e socialistas.

Agora, temos uma Europa de direita que para salvar o espaço tem de retroagir e contrariar aquilo que os ditos partidos que geriram antes a Europa potenciaram com as suas políticas.

É um grande e complexo imbróglio. Mas não se saiu ainda dele. Pequenos paliativos saíram desta cimeira de forma muito tímida. Falta projecto seja ele qual for e gente de garra com estratégia.

Etiquetas: ,


Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?