.comment-link {margin-left:.6em;}

2012-01-03

 

Os remédios europeus para a crise

Há uma falta de visão nos remédios que a UE tem vindo a adoptar no combata da crise. Falta de visão para não dizer erros crassos e alguma ignorância de impactos.

As últimas decisões, entre elas "a regra de ouro" do défice orçamental não poder exceder no futuro 0,5% e desta regra ter de ser uma norma constitucional ou equivalente é um erro maior no actual contexto da formatação europeia.

Os estados americanos estão interditados de apresentar orçamentos deficitários; em França, as colectividades regionais também não podem apresentar orçamentos desequilibrados.

Esta é uma norma para muitos Estados federais.

Mas na Europa as condições são outras. A Europa tem um orçamento mínimo 1% do PIB europeu. O Banco central não emite moeda, ou seja, o Euro é uma moeda amputada nas suas funções.

Logo a aprovação de uma regra destas, dita de ouro, é um descalabro, contribuiria para agravar ainda mais a situação em tempos de crise quando os Estados precisam de ter um papel mais importante no financiamento da economia.

Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?