.comment-link {margin-left:.6em;}

2012-10-03

 

Victor Gaspar, em nome dos "mercados"


O ministro Victor Gaspar na conferência de imprensa que hoje nos ofereceu explicou  que apesar de não ter conseguido diminuir a despesa nem aumentado a receita e, em consequência, o défice, em vez de ter descido, aborrecidamente subiu, a política de austeridade que lhe foi recomendada pelo ministro das finanças alemão, o Sr. Schauble, está a ser um êxito.
Mostrou a seguir uns gráficos e usou o jargão do “milieu” para provar que apesar de a coisa estar a correr mal para nós estava a correr bem para eles e que, por isso mesmo, os bancos e os banqueiros estavam muito satisfeitos com ele e com o nosso comportamento, desde que não continuemos com manifestações como as que de 15 e 29 de Setembro que, por uma vez, desculpam. Explicou-nos também que, como diria o ”pequeno”  Borges, só por  “ignorância”, não entenderíamos que em virtude dos bons (para eles) resultados obtidos tem que continuar com o mesmo remédio e até reforçar a dose, com redobrados e grandiosos impostos. E - na expetativa do nosso respeitoso apreço – informou que  o  inteligente e grandioso aumento dos impostos, IMI e todo o tipo de taxas, em 2013, “não irão persistir indefinidamente”.  Não irão persistir indefinidameeeeente?!
Será que ele está a imaginar-se no filme em que um outro ministro das finanças ficou por cá uns quarenta e tal anos supostamente a endireitar as contas do país?
_____________
Nota: o boneco como se vê "paga" direitos de autor ao Wehavekaosinthegarden.

Comments:
Renegociação/reestruturação da dívida... UMA ESPERANÇA:
-> Precisamos de Manifestações à Islândia: a revolução censurada pelos Media, mas vitoriosa!
.
Resumo (tudo pacificamente):
- Renegociação/reestruturação da dívida;
- Referendo, de modo a que o povo se pronuncie sobre as decisões económicas fundamentais;
[uma sugestão: blog «fim-da-cidadania-infantil» - Direito ao veto de quem paga, vulgo contribuinte]
- Prisão de responsáveis pela crise;
- Reescrita da Constituição pelos cidadãos.
{Obs: Quer nos países com mais habitantes... quer nos países com menos habitantes... os políticos, e os partidos políticos (vão ter que se aguentar), têm de passar a ser muito mais controlados pelos cidadãos... consultar o know-how islandês poderá ser muito útil}
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?