.comment-link {margin-left:.6em;}

2013-07-06

 

Acabo de assistir à comunicação de Passos Coelho

Passos Coelho bem pode ir de férias políticas. Ao delegar em Paulo Portas a coordenação dos assuntos económicos, a dita "reforma de Estado" e  as relações com a tróika que competiam a Vitor Gaspar, "esvazia" completamente, primeiro as funções de Primeiro Ministro e, segundo transforma o Ministério das Finanças em Secretaria de Estado de Portas. 

Passos pode assim entrar de férias grandes se o Presidente Cavaco alinhar neste esquema de governação, o que francamente me parece estar assegurado, mesmo que isso corresponda a um mais um grande enxovalho da sua personalidade, como este Primeiro Ministro, aliás, o tem sujeitado. Esta semana então foi demais. Como já aqui opinei, não sei por que motivo mantém Cavaco as reuniões da próxima semana com os partidos. É apenas uma farsa. Ouvir para quê se é Ele que mesmo enxovalhado tem inspirado esta solução.

Mas será que este esquema tem alguma probabilidade de funcionar?

Não é possível nem se vai iniciar qualquer novo ciclo de governação. Com os cortes previstos e negociados com a tróika está fora de causa qualquer recuperação económica porque não estão reunidas as condições. O ciclo é o mesmo. A procura interna vai continuar a descer por que vai ser ainda roubado mais dinheiro às pessoas. Estas terão de apertar mais o cinto. O investimento não vai mudar e o emprego vai continuar a cair.

Esta situação será ainda agravada pelo mau ambiente entre membros do governo que apenas comunicarão por SMS.

O País fica ainda mais entregue aos bichos, como diz o ditado.



Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?