.comment-link {margin-left:.6em;}

2013-08-31

 

Quem são os réus na guerra da Síria?

Para o Ocidente, "desfalcado" agora do Reino Unido, porque os deputados dos trabalhistas e 70 outros do partido do próprio Cameron votaram no Parlamento inglês contra, para já, a entrada na guerra da Síria, "o réu" é o regime sírio. John Kerry, qual falcão à Bush, não tem dúvidas; não precisa das conclusões dos inspectores da ONU. As armas químicas têm sido lançadas das "áreas controladas pelo governo e caíram na área sob controlo dos rebeldes".

Noutras esferas menos ortodoxas, subsistem dúvidas de que não haja também armas químicas no lado dos ditos rebeldes.Aliás existem indícios muito fortes nesse sentido.

O Ocidente, sem Reino Unido mas com a França de Hollande, mesmo com algumas dúvidas de Obama empurrado pelos falcões do seu governo, está de guarda prestes a avançar contras as decisões da ONU que não serão favoráveis a esta guerra, altamente complexa e cujos efeitos são de todo imprevisíveis.

Não me inclino para o regime sírio, mas menos ainda para a miscelânea dos ditos "rebeldes" onde até alinha a Al Quaeda, segundo algumas fontes que valem o que valem dispõe no terreno  2000 combatentes integrando os rebeldes. 

Interessante mas que faz reflectir os EUA emparceirados com os destruidores das Torres Gémeas em 2001.

As voltas que o mundo pode dar por interesses muito perceptíveis, mas sem dúvida grandes interesses.

Comments:
Não se pode defender Obama
pela cor da pele


 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?