.comment-link {margin-left:.6em;}

2008-11-24

 

Presidente Cavaco Silva irritado

Cavaco Silva em comunicado vem afirmar que nunca teve cargos no BPN. ler Presidente condena associação ao caso BPN

E não é isso, senhor Presidente que está em causa nesta situação, no mínimo, fraudulenta e confusa do BPN. Ninguém o associa à gestão do BPN, é verdade, pois nesse caso estaríamos a pedir a sua demissão.

O que diz o povo e basta ir a um café de bairro, onde fica gente a conversar sem entraves, quer de voz quer de conteúdos durante horas designadamente as pessoas idosas, é que são "os amigos do senhor Presidente que estão a levar o país à ruína". Sim, porque para muita gente "a falência" dum banco é vista como a falência do país.

Marcelo Rebelo de Sousa vem defender a demissão de Dias Loureiro, se fôr constituído arguido: Dias Loureiro sempre que tem palco procura baralhar, dizer-se amigo do Presidente da República de há muitos anos, homem da sua extrema confiança. É o seu escudo protector. Será que este comunicado é um sinal para Dias Loureiro, ele que exerceu cargos e de que Marcelo diz: "não percebo como é que um homem inteligente perante uma gestão ilegal (do BPN) e depois de ter chamdo a atenção de Oliveira e Costa (...) se manteve administrador executivo da SLN", ou mesmo, para Rui Machete?

Ora, Dias Loureiro se, de facto, fosse amigo, já deveria ter pedido, exactamente para poupar o bom nome do Presidente, a sua saída do Conselho de Estado porque nele participa por indicação de Cavaco Silva.

Discordo de Marcelo sobre a demissão de Dias Loureiro, que já deveria ter acontecido, exactamente porque o seu nome já está por demais enlameado e com a credibilidade em causa.

Etiquetas:


Comments:
Ele que se irrite, mas como não se assume como foi o caso da Madeira e, agora, todas as dúvidas de eventual compadrio são legítimas.
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?