.comment-link {margin-left:.6em;}

2010-12-18

 

Acontece que Carlos Pinto Coelho foi saneado duas vezes

Em Abril de 1975, em plena revolução, Carlos Pinto Coelho (CPC), foi saneado do DN pelo PCP (era director Luís de Barros e director adjunto José Saramago) e em 2003 pelo PSD, após a vitória da direita nas legislativas. Morais Sarmento, ministro de Durão Barroso, num "momento de cultura" extinguiu um dos melhores programas culturais da televisão, o "Acontece", de CPC.
Ambos os casos são paradigmáticos. O 1º do sectarismo do PCP, que tantos prejuízos lhe causou; o 2º da ignorância e do desprezo pela cultura, da direita trauliteira, no caso dirigida por Durão Barroso, um produto do cruzamento do reaccionarismo atávico do Portugal antigo com o extremismo maoista do Portugal moderno.
Carlos Pinto Coelho teve ao menos, a satisfação, de um pedido de desculpas, de José Saramago, numa entrevista que aquele lhe fez, mais de uma década depois.

(Público P2,de 2010-12-17, sem link. Uma entrevista inédita de Avelino Rodrigues, a CPC, em 2006. Extractos na imagem, ampliável com um clic.)

Etiquetas: , , ,


Comments:
Numa atitude de Saramago que por vezes (poucas) ruia a corda ao PCP
 
Caro Anónimo,
O Saramago ruiu a corda do PCP quando saneou ou quando pediu desculpas?
E, já agora, que parece que estamos numa de acertar contas com a historia, o Raimundo concordou ou foi contra?
Cumprimentos
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?